Olá amigo (a) blogueiro a)

Olá amigo (a) blogueiro a)

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Filme Vermelho como o Céu



       Filme: Vermelho como o céu - Deficiência Visual



      Mirco Balleri é um garoto comum de 10 anos de idade que adora cinema e vive em uma pequena cidade italiana, nas proximidades de Pisa. Vive uma vida comum de um garoto nessa idade, quando em uma de suas peraltices resolve brincar com a arma de seu pai e um grave acidente faz com que perca grande parte de sua visão.
       Nessa premissa de um garoto recém cego, acrescente também um fator histórico da Itália dos anos 70, em que crianças portadoras de deficiência visual eram obrigadas a estudar em escolas especiais, e por conta disso o garoto ainda é segregado do convívio com seus pais e amigos, para viver em um internato em Gênova. Pra ajudar um pouco mais o internato segue uma educação profissionalizante e limitada, pois o diretor da escola especial coloca regras rígidas de que a cegueira deve guiar o que a criança ainda poderá fazer da vida.
       Este é o ponto de partida desse belo filme, que faz uma tentativa singela de tratar sobre superação com poesia. O garoto Mirco não abandona sua paixão por cinema, mas ao encontrar um gravador passa a colecionar e editar sons para montar histórias sonoras. Aprende que ao tremular uma bandeja consegue um som de trovão, ou que assoviar em uma garrafa remete ao vento e com o apoio de coleguinhas do internato começam a criar um mundo de novas possibilidades.
      Em uma bela cena Mirco descreve a um menino cego de nascença, chamado Felice, sobre como seriam as cores. Segundo ele, o Azul é como sentir o vento bater em seu rosto ao andar de bicicleta; marrom é como o tronco de uma árvore. E o vermelho é o fogo; vermelho é como fica o céu no pôr do sol.
        Enfim, não é apenas sobre superação que esta história conta, mas principalmente sobre a possibilidade de caminhos para não sentar à sombra da vitimização e colher as dores de amargura que isso pode trazer à alma. Auto-vitimização é um sentimento que cresce, e quanto mais vai sendo alimentado, passa a ser paralisante e pode nos deixar limitados à infelicidade. Aliás, por mais trágico que tudo possa ser sempre vai existir outro sentido, mas às vezes nos falta a pureza de criança pra acreditar que realmente é possível utilizá-lo.
    Detalhe, ainda, que o filme conta a história real de Mirco Mencacci, um dos mais importantes editores de som da indústria cinematográfica italiana.
      Nos faz pensar como escolher o significado do Vermelho pode ser feito no caminho de uma eterna tragédia ou num belo recomeço com Céu ao nascer do sol…

 Referências: http://liga7arte.wordpress.com/2012/04/16/vermelho-como-o-ceu/


 
DADOS DO FILME:

Diretor: Cristiano Bortone 
Áudio: Italiano 
Legendas: Português 
Duração: 96 min. 
Qualidade: DVDRip 
Tamanho: 1.09 GB

29 comentários:

  1. Filme : Vermelho Como o Céu
    O filme de Cristiano Bortone é baseado na história real de Mirco Mencacci, um renomado editor de som da indústria cinematográfica italiana.
    O Filme conta história do garoto Mirco que se fere gravemente, após um acidente em sua casa, vai perdendo a visão e passa a ter uma vida segregada. Rejeitado pela escola pública, que não o considera uma criança normal é enviado a um Instituto para Deficiente Visuais. Nesta escola ele tem uma vida quase normal, se não fosse o diretor, também cego e derrotista, que trata os alunos como seres inferiores diante da vida. O garoto Mirco, apaixonado pelo cinema, descobre um velho gravador e começa a gravar todos os tipos de sons e vai criando histórias sonoras, assim ele luta para alcançar seus sonhos e sua liberdade.
    A ideia central do filme é mostrar como o desenvolvimento da imaginação pode funcionar como remédio para uma possível limitação, relatando que o ser humano é bastante prático e sabe se adaptar mesmo ás piores situações, basta que tenha alguma assistência e a confiança do próximo.
    Infelizmente ainda existem muitos obstáculos para as pessoas portadoras de alguma deficiência e o filme serve para conscientizar a sociedade, que ainda não aceita as diferenças, é uma lição de vida, pois mostra a superação do ser humano.
    Alaide Madalena Ferreira, aluna do 4° ano de Pedagogia da UNIESP, José Bonifácio, SP.

    ResponderExcluir
  2. O filme retrata a historia de um menino de 10 anos que perdeu a visão acidentalmente,ele luta para alcançar seus objetivos e realizar seus sonhos,Mirco foi rejeitado pela escola publica, depois da rejeição, ele foi enviado para um instituto de deficientes visuais,com passar do tempo no instituto ele descobre um gravador velho, portanto ele cria sons, onde vira historias sonoras,o filme passa uma conscientização para sociedade, no nosso pais há uma rejeição enorme com pessoas com deficiência.
    Aline Cássia Lopes
    4ºde pedagogia
    FJB-UNIESP

    ResponderExcluir
  3. O filme relata a historia de um menino que perdeu a visão em um acidente, porem não desistiu de "viver", sempre buscou alcançar seus objetivos mesmo com muitas dificuldades.
    No filme o garoto enfrenta grandes desafios, e passa por rejeição das pessoas por ser deficiente visual, mesmo no mundo "moderno" em que vivemos, ainda há rejeição das pessoas com pessoas deficientes, porem com tanta modernidade e tecnologia essas pessoas conseguem viver melhor. Espera-se que não exista mais tal preconceito, afinal essas pessoas com deficiência tem uma vida normal e apesar de passar por grandes dificuldade do dia a dia conseguem vencer, sonha e idealizar um mundo melhor!

    Suzana Pala
    4° Pedagogia
    Uniesp

    ResponderExcluir
  4. O filme relata a história do garoto, Micro que se fere gravemente, após um acidente em sua casa, e perde sua visão e passa ter uma vida segregada.
    Micro enfrentou grandes desafios e passou por rejeição das pessoas por ser deficiente visual. Ele foi enviado para um instituto de deficientes visuais,passando alguns tempos, com tanta modernidade e tecnologias essas pessoas conseguem viver bem!

    Juliana Ap da silva

    4° Pedagogia
    Uniesp.

    ResponderExcluir
  5. Este filme relata a história de um menino que após uma travessura acabou ficando cego. Mandado para uma escola especial ele não aceitava sua condição,com a ajuda de um padre, acabou descobrindo um dom usando sucata, barulhos da natureza ele montou uma aprentação com todas as crianças da instituição mobilizou os pais e professores em um ato de sentimento e realizações, fez assim com que ele se encontrasse e aceitasse sua deficiência este ato mudou também o sentimento de todas as pessoas. Mostrando uma lição de vida a todos.


    Maria Do Carmo Lopes
    4º ano de pedagogia

    ResponderExcluir
  6. Um filme encantador. Num contexto vivido na década de 70. Mirco, ainda criança, sofre um acidente com a arma do pai e perde a visão. Rejeitado pela escola pública onde estudava, vai para uma escola de deficientes visuais em Gênova. Lá, encontra um gravador e começa a criar histórias sonoras. Por já ter tido a visão "perfeita", Mirco não se conforma com a vida que a nova escola oferece aos garotos com deficiência visual. Mostrando um carismático inconformismo, o garoto mostra determinação e mostra claramente que atitudes concretas transpassam os limites da deficiência, nesse caso específico, a visual. Uma lição para quem pensa que ser "normal" basta para ter uma vida completa.
    (Josi Patrícia Vicentin Bucater - aluna do 4º ano de Pedagogia - FJB/Uniesp)

    ResponderExcluir
  7. O filme relata sobre um menino que ama cinema e que por infelicidade sofre um acidente e fica cego. Com isso seus pais decidem manda-lo para um internato somente para meninos cegos.
    A historia nos permite perceber o quanto é importante lutar pelo que queremos e nunca desistir dos nossos sonhos, pois apesar das dificuldades sempre encontramos uma solução para o que precisamos.

    ResponderExcluir
  8. Micro era um menino que tinha uma vida normal como os amigos de sua idade mais um grave acidente mudou de uma vez por todas sua vida tornando-o cego. Crianças nas mesma situações de Micro eram obrigadas a estudarem em escolas especiais de deficientes visuais como ele, sua grande paixão é o cinema. O filme se baseia em um ato de superação.

    Talita Da Rocha Francisco
    Aluna do 4º ano de pedagogia

    ResponderExcluir
  9. O filme nos mostra a historia de um menino , que após um grave acidente perde a visão . Devido o acidente o garoto fica rejeitado na escola publica, e é mandado para uma escola uma escola de deficientes visuais . Onde encontra um gravador e começa a criar historias , onde descobriu um dom montou grandes historias e através disso fez apresentações com pais , foi na onde ele conseguiu superar a perda da visão.
    O filme é uma historia muito emocionante vale a pena assistir ...

    Aluna do 4° ano de pedagogia
    Patricia Ap pereira Miranda

    ResponderExcluir
  10. Micro era um menino normal que devido a um acidente fiou cego. Ele estudava em uma escola publica, mas seus pais resolveram colocá-lo em uma escola especializada para deficientes visuais. Micro não se conforma com a maneira em que os alunos deficientes são tratados no internato.
    Ele encontra um gravador, onde começa contar muitas historias e se diverte com isso, o que o faz se conformar com a cegueira.
    O filme é um exemplo de determinação e superação. nos mostra que na vida todos os obstaculos podem ser superados!

    Laís P. Mendonça- 4º ano de Pedagogia

    ResponderExcluir
  11. O filme narra a história de um menino que levava uma vida normal, brincava com os amigos, mantinha boas relações com seus pais e tinha acesso a um veículo de informação e cultura- o cinema, o qual era sua grande paixão. Entretanto, um acidente em casa com a arma do pai muda radicalmente sua vida, pois em consequência deste, sua visão foi prejudicada e ele, obrigado por lei a ser transferido para uma escola especialmente destinada a deficientes visuais, caso quisesse continuar seus estudos. Isto nos levar a perceber que as crianças eram separadas das não cegas.
    Um velho gravador foi o instrumento que lhe abriu novos horizontes no desempenho de sua imaginação e criatividade, na fase de adaptação que se encontrava, acabou descobrindo um dom usando sucata, barulhos da natureza ele montou uma aprentação com todas as crianças da instituição mobilizou os pais e professores em um ato de sentimento e realizações, fez assim com que ele se encontrasse e aceitasse sua deficiência este ato mudou também o sentimento de todas as pessoas. Mostrando uma lição de vida a todos. Superando os limites sociais.

    Lidia Nayara
    4º ano de Pedagogia

    ResponderExcluir
  12. Um filme lindo e emocionante que conta a história de Mirco, um garoto de 10 anos que devido a um acidente com a arma de seu pai, perde parte de sua visão. Naquela época pessoas com deficiência estudavam em escolas diferentes de pessoas consideradas 'normais'. Então Mirco teve que se mudar para um internato, uma escola religiosa apenas para cegos. A escola era muito rígida, e tinha seus princípios. Mirco não vê limites para sua imaginação infantil, e ao ver-se sem liberdade e com excesso de tempo ocioso, encontra um gravador e desenvolve, junto com seus amigos, histórias incríveis, de princesas, dragões e guerreiros, incentivando-as a perceberem o mundo além das barreiras impostas pelo diretor, que liderando a escola religiosa, acreditava ser o "certo" crianças como aquelas, não terem nenhuma ilusão. Mirco consegue levar as crianças daquela escola para uma outra realidade, e com a ajuda do Padre e seus colegas, eles conseguem mostrar as pessoas que elas devem parar de reclamar de suas vidas e tentarem tirar o melhor de cada situação.


    Ingrid Belo de Brito Grano
    4º ano de Pedagogia

    ResponderExcluir
  13. O filme conta a história de um menino chamado Micro que fica cego por causa de um acidente. Ele estudava em uma escola normal mas seus pais resolveram transferir ele para uma escola especial para crianças cegas. Lá tudo é diferente, há muitas proibições e Micro não se conforma com tudo isso. Ele encontra um gravador que começa a contar histórias para divertir ele e seus colegas. O filme mostra que não devemos desistir de viver por causa dos nossos problemas, é um filme muito lindo.

    Andresa Carla da Silva- 4º ano Pedagogia

    ResponderExcluir
  14. Um filme muito comovente e que, apesar de se passar na década de 1970, continua sendo muito atual,um menino que ao perder a visão acidentalmente passa a sofrer os preconceitos das pessoas. O garoto Mirco não se deixa abater e com muita força de vontade e contando com a ajuda do padre e seus colegas consegue mostrar que uma deficiência não é motivo para se desistir da vida.
    Elaine Tripodi-4º ano Pedagogia

    ResponderExcluir
  15. É um filme muito emocionante. Um garoto que fica cego após um acidente com a arma do pai, vai para uma escola para pessoas especiais. Lá descobre um velho gravador e isso muda sua vida. Com ajuda de algumas pessoas mostra que apesar da deficiência visual a vida continua e isso não é um empecilho para ele. Mirco dá uma grande lição para as pessoas que se julgam "normais" e mesmo assim só fazem reclamar da vida.
    AParecida Rós 4º ano Pedagogia

    ResponderExcluir
  16. É um filme lindo e nos faz refletir por ser baseado em fatos reais, em todos os momentos quando estava assistindo o filme fiquei pensando, nossa isso realmente aconteceu, a gente se coloca no lugar daquele menino e imaginando o quanto ele deve ter sofrido com a mudança e que forma mais linda que ele superou tudo aquilo que ele passou. Sempre adoro assistir esses filmes, pois, querendo ou não é uma lição de vida e nos refletir muito em nossa vida. O filme frisou muito pra mim o fato de termos 5 sentidos e não valorizamos tanto de certa forma e a partir do momento em que perdemos um desses sentidos automaticamente passamos a dar tanto valor a depender dele, no caso especifico desse filme e comparado às aulas de Educação Especial, o cego valoriza muito e depende da audição e do tato, já o surdo da visão e assim conforme a deficiência, a pessoa terá que utilizar o que tem, assim como o menino fez no filme. Ele não parou sua vida porque perdeu a visão ficou triste sim com toda razão, mas continuou e superou da melhor forma suas dificuldades e voltou a brincar, estudar e se divertir. As pessoas com deficiência devem ser motivadas e incentivadas a buscar meios e fazer acontecer em suas vidas, não se pode manter uma pessoa dentro de casa por ela ser surda, cega ou ter qualquer deficiência, pelo contrario deve ser mais motivada ainda.
    É incrível como os sons se tornaram tão importante para Mirco após ele ter perdido a visão e como ele pode mostrar aos outros meninos também cego mas que diferente dele tinham nascido cegos e não tinham visto nem mesmo por uma única vez o pingo de chuva, o céu e tantas coisas que vemos todos os dias e nem damos tanta importância. Para as pessoas com deficiência, em relação ao filme as sensações são muito mais intensas, coisas simples da vida torna extremamente importantes. Ao contrário de Mirco o diretor do Colégio não teve tanto incentivo quanto ele, por isso se tornou uma pessoas tão amarga a ponto de ele mesmo ter preconceito com os cegos mesmo ele sendo um cego também, ele se limitou a fazer somente determinadas coisas. Muito interessante a parte em que o pai de Mirco está conversando com o diretor do colégio logo quando ele chegou e o diretor diz ao pai que ali ele será preparado para artesão isso e aquilo e o pai diz ao diretor que ainda era muito cedo pra pensar em que o Mirco seria quando crescer que talvez ele não quisesse nenhuma dessas opções que o diretor deu, ou seja o pai acreditava que mesmo sem a visão Mirco poderia ser o que quisesse, muitas vezes nem mesmo a família acredita que a pessoa com deficiência pode ter uma vida “normal” e acaba as desencorajando-as de correr atrás do que acreditam.

    ResponderExcluir
  17. O filme é realmente muito lindo, Conta a história de um menino que se chama Mirco, que tem uma vida normal, que vai pra escola, adora brincar e fazer travessuras.
    No entanto entre uma travessura e outra ele acaba ficando cego. Naquela época seus pais o leva para um colégio interno, pois era lá que crianças cegas tinha que ficar, as escolas públicas tinha muito preconceito. Em primeiro momento ele sofre muito com toda essa mudança mais acaba se adaptando.
    Nesta escola ele consegue ter uma vida quase normal, mas tinha um diretor muito ruim, mas não deixa de continuar brincando e de conhecer novos amigos. Mirco gosta muito de cinema e isso o ajuda muito a se adaptar a essa nova fase, onde descobre um gravador e começa gravar sons e vai criando historias sonoras. Desse modo ele consegue alcançar seus sonhos e a liberdade pra seguir em frente, o diretor tenta atrapalhar mais ele tem um professor que acredita no seu talento e o ajuda muito.
    O filme nos prende o tempo todo, nos faz imaginar o porquê de todo esse preconceito que ainda existe muito, um pouco menos que na época em que se passa o filme, mas não deixa de existir.
    Mas também nós fazemos imaginar o quanto o ser humano é incrível. Basta ter força de vontade que tudo se torna possivel, quando se tem vontade não existem limitações por mais difícil que seja dificuldade, desde que se tenha força de vontade nada é impossível em nossa vida.

    Aline Sanches - 6° Semestre Pedagogia.

    ResponderExcluir
  18. A historia do filme mostra um garoto que perde a visão aos dez anos de idade , com isso ele é obrigado a estudar num internato para deficientes visuais .
    no internato ele descobre gravador e começa desvendar seus outros sentidos,principalmente a audição.
    usa-o para representar sons da natureza, e com ajuda de amigos constrói histórias fascinantes.
    Mirco é um garoto que soube lidar com suas dificuldades, ele não ficou limitado a sua condição. Ele buscou seus sonhos se adaptando ao novo modo de vida que se encontrava.
    Esse filme mostra que podemos superara qualquer barreira que encontrarmos pela frente, basta apenas termos força de vontade, querer e acredita.

    Cleide Costa de Araujo, 6ºsemestre de Pedagogia-Uniesp- José Bonifácio

    ResponderExcluir
  19. O filme Vermelho como o céu é uma linda história sobre um pequeno garoto que perdeu a visão em um acidente com uma arma! desse modo, Mirlo teve que se separar de seus pais e viver e estudar em um colégio com outros meninos cegos" Evidencia- se que nessa Escola não havia a Inclusão, Pois o Diretor era muito rígido e não gostava de propiciar a imaginação dos educandos, mesmo que sejam cegos, eles são capazes de se desenvolveram e buscarem seus caminhos. O filme também quer enfatizar que não se deve separar as crianças, mas sim haver uma Inclusão que desenvolva as capacidades de cada um, mesmo que tenham suas limitações! A escola deve se adequar aos seus alunos.


    Bianca aluna do 4 ano de Pedagogia!

    ResponderExcluir
  20. O filme relata a Historia de um menino,que após um descuido,acabou perdendo sua visão. e como naquela época não tinha a inclusão seu pais foram obrigados e mandar ele para uma escola onde todos eram cego.
    O menino passou a prestar atenção em sons,ruídos, e começou a imaginar o que poderia ser.
    Com ajuda de seu colegas começaram a fazer um teatro,mas o seu diretor quando descobriu queria expulsar menino da escola,porem não deu certo pois fizeram um protesto que acabou tendo que deixa-lo na escola.
    O teatro que as crianças fizeram foi apresentada em uma apresentação para os pais,ele foram vendados,é só ouviram... Foi muito emocionante pois relatou que as escolas de antigamente não aceitava as crianças e hoje independente de sua necessidade não pode ser excluído das escolas..

    Monise fernanda miller aluna do 4 ano de pedagogia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme Vermelho como o céu relata história de um menino que levava uma vida normal, brincava com os amigos e tinha uma boas relações com seus pais, era uma família feliz e um cultura no qual o cinema era sua grande paixão. Devido ao acidente ocorrido em sua casa por descuido do pai ao deixar uma arma, muda radicalmente sua vida. Após perder a visão foi obrigado por lei a mudar de uma escola regular ,para um internato para crianças com necessidade especiais, chegando a nova escola onde conheceu um diretor antiquado que não permitia o seu desenvolvimento.
      Mirco por gostar de cinema conseguiu um gravador velho e com ajuda da filha da empregada do internato, resolveu gravar ruídos sons e começou a fazer um história com ajuda dos amigos. Por intermédio do professor, ele consegue superar seu trauma ensaiando uma apresentação criada por ele e seus amigos para o termino do ano letivo. No final do ano os pais que ser vendados os olhos para assistir a apresentação, esta cena nos mostra que devemos ter um olhar diferenciado e na valorização dos outros sentidos que temos.
      O filmes faz nos refletir que não devemos excluir alunos com qualquer tipo de deficiência, e as escolas devem trabalhar projetos onde mostram na diferença da inclusão dessas crianças e não fazendo como o diretor do internato desse filme.

      Aluna do 4º ano de Pedagogia UNIESP -JOSÉ BONIFÁCIO
      Maria José Vaz Lucatti

      Excluir
  21. O filme conta a história de Mirlo, como perdeu a visão, o porque teve que morar longe de seus pais. Ele estudava em uma escola em que possuia regras tradicionais e o diretor era muito rigoroso, não sabendo direcionar as potencialidades de seus alunos, achando que o campo de atuação profissional dessas crianças seria muito limitado. Mas o professor soube incentivar seus alunos, montou uma peça de teatro que todos os alunos puderam mostrar suas potencialidades, depois dela, a escola teve que mudar suas regras educacionais.

    ResponderExcluir
  22. Um Filme emocionante lindo, conta a história de mirco um garoto que acaba perdendo a visão em um acidente com a arma de seu pai. Mirco agora precisa se adaptar a uma nova etapa, seus pais o colocam em um colégio interno próprio para crianças cega, o qual tem um diretor muito rígido, que não deixa as crianças terem liberdade para se expressarem, mais mirco com a ajuda de seus colegas e agora com a audição bastante apurada conseguem fazer um teatro gravado, o diretor não queria aceitar e sim expulsar o garoto da escola, mais o professor os ajudou e com um protesto conseguiram que o o teatro fosse ouvido pelos pais, o que foi emocionante!!!!Por fim o método educacional da escola foi mudado.


    Jennefer Muniz Dossi
    Aluna do 4º ano de Pedagogia.

    ResponderExcluir
  23. Um filme muito emocionante, que retrata a história de Mirco um garoto que perdeu a visão com a arma do pai,sendo assim, a família decidiu coloca-lo em uma escola que para crianças cegas, e o diretor da escola que não acreditava nas habilidades e capacidade das criança, ele os limitava a realizarem atividades que para ele eram próprias para crianças cegas, Mirco desenvolveu o sentido da audição e realizou com a ajuda dos colegas um ótimo trabalho de sonoplastia mesmo sem a autorização do diretor, ele apresentou o áudio para os pais com muita luta e todos ficaram impressionados, por isso a escola teve que rever seus conceitos e compreender que as crianças cegas são capazes.

    Barbara Oliveira Silva

    ResponderExcluir
  24. O filme vem nos mostrar a história de um garoto que perde a visao muito cedo devido a sua travessura e nisso e mandado para uma escola especial pra cegos pois a sociedade não se permite a inclusão vom outras crianças normais, ele e mandado para uma escola onde o diretor da escola é cego e não permite opiniões diferentes da dele e permite que as crianças vejam os pais apenas uma vez por ano, elas ficavam trancadas na escola sem ter contato com o mundo, mas ainda há um professor que comeca a enxergar diferente e vê que as crianças tem sonhos, habilidades e desejos e apoia e protesta para que seja permitido a vida das crianças seja como a de todas mas ainda tem educadores que não pensa assim ainda tem a mesma visão do diretor do filme não entende que as crianças tem livre direito de expressão em ter contato com o mundo como todas as outras crianças,todo ser humano tem o seu direito na sociedade e no mundo não importa se é deficiente de outra cor ou raça, todos tem seus sonhos na vida e tem direito de lutar para conquistaro que se almeja. O filme vem nos mostrar que o ensino não e feito do tradicionalismo e sim de forma inclusiva e progressista com todos sem descriminação e os ensinando como lidar com o mundo.
    Tatiana A. Fernandes 4° Ano de Pedagogia fjb/uniesp

    ResponderExcluir
  25. Vermelho como o Céu, filme emocionante que relata a vida de um menino chamado Mirco, que perdeu a visão com a arma do seu pai, logo após, Mirto se separa dos seus pais para poder estudar em um colégio interno, adaptado para deficientes visuais. Tendo um diretor rigoroso e um professor que incentivava os seus alunos. Montou um teatro e fez que todas as crianças mostrassem que mesmo com sua deficiência são capazes de fazer e realizar muitas coisas.. Simplesmente esse filme é uma lição de vida, para aquelas pessoas que acha que só porque tem alguma deficiência são invalidas.

    Natália Volpi

    4 Ano - Pedagogia.

    ResponderExcluir
  26. Vermelho como o Céu... Realmente é uma obra excelente.Marcante e inspirador!! Pois nos relata com grande verdade como é ser privado de um dos nossos sentidos. Nos faz refletir quanto a nossa a vida e o que temos e o que somos pois muitas vezes nos queixamos por isso ou aquilo, o simplesmente quando perdemos algo substituível.
    Mirco perder a visão a vida num instante perde-se a cor ou sentindo, mas porém ele se encoraja a vê-la e senti-la de outras formas intensas.
    Com base nas aulas de Educação Inclusiva podemos ver claramente a ação das Adaptações Curriculares. Pois Mirco estuda em uma escola de atendimento especializado para cegos, mas no entanto vemos que o diretor não compreende a questão das especificidades de cada um, porém o professor afim de ter uma visão de que o menino atingiu suas expectativas embora não sendo da forma que ele a propunha. O filme nos faz uma reflexão enquanto futuros pedagogos pois, devemos sempre primeiramente fazer a reflexão do que nossos alunos aprenderam em cima do que aplicamos. O filme nos traduz o quanto devemos valorizar as especifidades de aprendizagem de cada aluno Mirco utilizou de seu tato e audição para encontrar as respostas ao seu Professor o mesmo por sua vez o incentivou conseguindo mais resultados dai voltamos a nossas aulas e as adaptações curriculares.
    Simplesmente brilhante.

    ResponderExcluir
  27. Vermelho como o céu. Filme Perfeito. Nos mostra uma realidade que infelizmente acontece ao mundo, são privados de desenvolver seus sonhos, sentidos, dom.
    Nos mostra que não devemos reclamar da vida pois ela ainda pode estar pior, pois em uma simples brincadeira o menino Mirco perde a sua visão e nunca mais volta a enxergar. E mesmo assim nunca desistindo de seu sonho, seu dom. quem aumentou ainda mais com a perca da visão.
    Muito emocionante vale a pena assistir

    Marcela Fantozzi
    4º ano Pedagogia

    ResponderExcluir
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Obrigado (a) pela sua visita!!!!